28 fevereiro, 2016

Êxodo - A Saga do Ouro Azul de Clóvis M. Fajardo

Livro - Êxodo - A Saga do Ouro Azul
Autor - Clóvis M. Fajardo
Editora - Autografia

A água é um recurso natural renovável, porém devido ao mau uso dela, isso pode se reverter. Na realidade, nos últimos anos isso tem se tornado algo quase palpável em alguns lugares onde antes ela era abundante. 

Esse livro nos traz essa possibilidade de uma maneira bem realista.

O ano é 2065. E após um apagão geral, se iniciou o êxodo urbano que desencadeou a Guerra Azul, onde a água é um recurso raro e extremamente valioso. Não existem ricos, pobres, homens, mulheres ou crianças. Existem sobreviventes, que lutam diariamente na tentativa de conseguir um pouco do Ouro Azul, a água. 

São oito contos, passados entre a capital de São Paulo e o litoral do estado. Neles conhecemos diversas personagens, cada qual com sua busca pessoal. Além da procura incessante pela água, cada um deles tem seus próprios demônios pessoais como os quais devem lidar enquanto a seca indelével os aplaca. São contos curtos, mas mesmo assim o autor consegue desenvolver bem a personalidade de cada um deles, sendo possível se envolver nessa busca juntamente com as personagens. Alguns contos são interligados, outros não, alguns narrados em 1ª pessoa outros em 3ª, o que na minha opinião trouxe uma riqueza narrativa maior ao texto.   

Eu cheguei a esse livro através do próprio autor. Não o conhecia, mas achei interessante a premissa dele. Ficção é algo que me atrai e muito, e o fato de mesclar um assunto tão assustador quanto possível, me deixou muito curiosa com a leitura. A narrativa me prendeu da primeira a última página. A escrita do autor é bem fluida e envolvente, fazendo com que a leitura fosse agradável no decorrer de todo o texto. 

Um ponto, que eu não sabia e que me chamou muito a atenção, foi o fato de ter uma "pegada" religiosa nele. Não gosto desse tipo de leitura, mas com esse livro foi diferente. Apesar de citar alguns versículos bíblicos, e de uma maneira ou outra todas as personagens terem algum tipo de ligação com Deus na história, isso é contado de uma maneira muito singular. Não existe um apelo religioso, é apenas uma história na qual esse tema é tratado. Acredito que pessoas que tenham uma crença religiosa, terão uma visão diferente da minha, e provavelmente gostarão muito disso. Porém se você é como eu, que não segue nenhuma religião ou mesmo que não crê em nada, a leitura do livro ainda assim é muito prazerosa e extremamente interessante. 

Quanto a parte gráfica, a capa de Guilherme Peres é simples mas fantástica, adorei a cidade ao fundo vista através da água. Pra quem gosta de orelhas, aqui tem, as páginas são brancas, mas como é um livro curto isso não o influencia negativamente. Existem alguns poucos erros de revisão, mas nada que uma segunda edição não resolvam. 

Sem dúvidas, foi uma leitura excelente. Mais que recomendo esse livro pra todos os públicos. Só espero que a história fique apenas na ficção. 

Adquira o livro em: Livraria Cultura | Editora Autografia

16 fevereiro, 2016

Adaptações literárias para o cinema em 2016

Esse ano tá repleto de adaptações literárias no cinema, e eu estou super empolgada com algumas. Fiz uma listinha das que não quero perder de jeito nenhum.

1 - Orgulho, Preconceito e Zumbis - previsto para 25.02.2016


(Sinopse do livro) Orgulho, Preconceito e Zumbis é uma versão ampliada do romance de Jane Austen, trazendo cenas inéditas com zumbis partindo crânios de pessoas vivas para devorar seus miolos. Na abertura desta história, ficamos sabendo que uma misteriosa praga se abateu sobre o tranquilo vilarejo de Meryton, na Inglaterra – e os mortos estão retornando à vida!
Nossa implacável heroína, Elizabeth Bennet, está determinada a eliminar a ameaça zumbi, mas logo sua atenção é desviada pela chegada do altivo e arrogante Sr. Darcy. O que se segue é uma deliciosa comédia de costumes, repleta de civilizados embates entre os dois jovens enamorados – além de batalhas um tanto mais violentas, em cenas nas quais o sangue jorra fartamente.
Conseguirá Elizabeth subjugar as crias de Satã? Poderá ela superar os preconceitos sociais da aristocracia local? Complementado com amor, emoção, duelos de espada, canibalismo e milhares de cadáveres em decomposição.

Compre Amazon

2 - O Escaravelho do Diabo - previsto para 14.04.2016


(Sinopse do livro) Vítimas ruivas recebem um escaravelho antes de serem assassinadas. Essa é a única pista de que Alberto dispõe para chegar àquele estranho criminoso. Qual a relação entre ruivos e escaravelhos? Quem será o próximo?

Compre Amazon 

3 - O Livro da Selva - previsto para 14.04.2016


(Sinopse do livro) Mogli, se perdeu na selva profunda ainda muito pequeno, é adotado por uma família de lobos. Em meio à natureza esplendorosa e selvagem, ele conhece Shere Khan - o tigre de Bengala -, uma pantera negra que vai protegê-lo, e o velho Baloo, um urso pardo que ensina aos filhotes de lobo as Leis da Selva. Entre uma e outra aventura, Mogli cresce para se tornar um homem e depara-se com os questionamentos sobre que tipo de pessoa será e sobre como se juntar aos da sua espécie sem trair as criaturas que o acolheram. Publicado originalmente em 1895, "O Livro da Selva" é composto por várias histórias - a maioria das quais tendo Mogli como protagonista.

Compre Amazon | Submarino

4 - Alice Através do Espelho - previsto para 27.05.2016

   

(Sinopse do livro) Numa tarde fria de inverno, enquanto a neve cai silenciosamente lá fora, Alice brinca com a gata Dinah e seus filhotes na sala de casa. Mal sabe ela que está prestes a viver uma experiência incrível. De repente, atravessa o espelho que fica sobre a lareira e chega a um mundo onde tudo está ao contrário, de pernas para o ar. Um mundo em que as coisas "trocam de lado", da mesma forma que as linhas de um livro, quando você o observa aberto diante de um espelho.

Compre Amazon | Submarino

5 - Como Eu Era Antes de Você - previsto para 16.06.2016

 

(Sinopse do livro) Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.
Como Eu Era Antes de Você é uma história de amor e uma história de família, mas acima de tudo é uma história sobre a coragem e o esforço necessários para retomar a vida quando tudo parece acabado.

Compre Amazon | Submarino

6 - A Garota no Trem - previsto para 07.10.2016



(Sinopse do livro) Um thriller psicológico que vai mudar para sempre a maneira como você observa a vida das pessoas ao seu redor.
Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres (Inglaterra). O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d'água, pontes e aconchegantes casas.
Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes - a quem chama de Jess e Jason -, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess - na verdade Megan - está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos.

Compre Amazon | Submarino

7 - Inferno - previsto para 13.10.2016


(Sinopse do livro) Neste fascinante thriller, Dan Brown retoma a mistura magistral de história, arte, códigos e símbolos que o consagrou em "O Código Da Vinci", "Anjos e Demônios" e "O Símbolo Perdido" e faz de Inferno sua aposta mais alta até o momento.
No coração da Itália, Robert Langdon, o professor de Simbologia de Harvard, é arrastado para um mundo angustiante centrado numa das obras literárias mais duradouras e misteriosas da história: O Inferno, de Dante Alighieri.
Numa corrida contra o tempo, ele luta contra um adversário assustador e enfrenta um enigma engenhoso que o leva para uma clássica paisagem de arte, passagens secretas e ciência futurística. Tendo como pano de fundo poema de Dante, e mergulha numa caçada frenética para encontrar respostas e decidir em quem confiar, antes que o mundo que conhecemos seja destruído.

Compre Amazon | Submarino

8 - Doutor Estranho - previsto para 03.11.2016

Imagem - Reprodução/Cinepop

Um cirurgião desfigurado ganha uma nova chance em sua vida quando um feiticeiro o treina para se tornar o Mago Supremo.

9 - Animais Fantásticos e Onde Habitam - previsto para 17.11.2016


(Sinopse do livro) O livro de estudo utilizado por Harry Potter e seus amigos na versão dos trouxas!" Descubra o que um pufoso come, porque não é bom deixar vasilhas de leite à porta de casa para um ouriço e qual é o habitat do quintípede, entre outras curiosidades.

Compre Amazon | Submarino

10 - O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares - previsto para 25.12.2016

Imagem - Reprodução/Omelete

(Sinopse do livro) Tudo está à espera para ser descoberto em O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, um romance inesquecível que mistura ficção e fotografia em uma experiência de leitura emocionante. Nossa história começa com uma horrível tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para crianças peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo e por mais impossível que pareça, ainda podem estar vivas.
Uma fantasia arrepiante, ilustrada com assombrosas fotografias de época, vai deliciar adultos, adolescentes e qualquer um que goste de aventuras sombrias.

Compre Amazon | Submarino

E você, tem interesse em assistir algum desses?  

07 fevereiro, 2016

Lendo com Chulis #4 - Os Molambolengos de Evangeline Lilly

Livro - Os Molambolengos (Os Squickerwonkers)
Autora - Evangeline Lilly (tradução de Bruna Beber)
Editora - Aleph - 48 pgs

Selma é uma garotinha extremamente mimada. Certo dia, se perde em um parque de diversões e encontra uma carroça. Nela a menina vai conhecer os seus moradores, os Molambolengos, e com eles irá aprender quem nem sempre tudo acontece do jeito que ela quer.

O que a gente faz com sobrinho em casa? Põe pra ler, é claro. E o post hoje é especial, tem a opinião dele e a minha também sobre um livro fantástico. Então, pra começar vamos ao vídeo.



Vira e mexe eu leio um livro infantil. São leituras rápidas, geralmente divertidas e não me canso de lê-las. Mas esse livro me chamou a atenção, a princípio, por outro motivo: a escritora é a atriz Evangeline Lilly.
Não sou do tipo fã maluca, mas gostei muito da atuação dela em Lost, série que acompanhei até o "trágico final". E apesar de algumas restrições, também gostei dela como Tauriel em O Hobbit. No final de 2015, fiquei sabendo que ela iria estar na CCXP, não como atriz, mas para lançar um livro infantil. Pronto, decidi que queria ler o livro e conhecê-la. 

Foi uma correria fora do normal pra chegar cedo lá, mais 4 horas de fila, mais fome, mais calor infernal, mas no final consegui o autógrafo. E valeu cada segundo, além de linda ela foi extremamente atenciosa com todos. 


E o que fazer em 4 horas de fila? Ler, é claro. Aproveitei o "tempinho" pra conhecer a história. E que boa surpresa. Como todo livro infantil, aqui também nós temos uma história que nos traz algumas lições. Mas a maneria como essa foi narrada é algo bem especial. O texto lembra muito a estrutura de poesia, onde encontramos uma composição de versos e rimas. 

"De repente, um barulho do alto!
A girar, nove vultos, assombrados!
Seus corpos dependurados
Como se fossem nós, entrelaçados,
Como se os nove, juntos, estivessem enforcados!
                                                                      (página 12)

Outra coisa que me chamou muito a atenção foram as ilustrações de Johnny Fraser-Allen. Em livros infantis, normalmente elas são "fofinhas", e apenas o personagem mau é retrato de forma mais sombria. Mas não é o que encontramos aqui. O livro todo tem uma aura sombria, quase assustadora. E eu adorei, achei fantástica essa abordagem. O livro consegue passar a mensagem a qual ele se propõe, mas de uma maneira única. É impossível não se envolver com a leitura, e no final ficar com aquele gostinho de quero mais.


Livro mais que recomendado pra crianças de todas as idades. Além de uma história deliciosa, a parte gráfica é quase uma obra de arte.


Divulgação Antologia Sombras da Bomba

Eu posso dizer que sou da geração apocalipse. Quem viveu a infância ou adolescência nos anos 80, sabe bem o que é isso. Vivíamos a sombra da Guerra Fria e a possibilidade de um holocausto nuclear era mais que palpável. Cada vez que eu via um plantão noticiário, dava até frio na espinha. Mas, a possibilidade ficou no passado, e nas nossas lembranças mais aterradoras. Ou não.




"Primeiro veio a luz, que ofuscou o sol com o poderoso brilho de muitos megatons, depois veio o som, como o estrondoso rugido de um deus furioso, gritando contra a insanidade humana. A coluna de fumaça e fogo ganhou os céus nascendo da terra, agora morta, formando o arco belo e mortal de um cogumelo radioativo que assombrará gerações. Estas são histórias dos olhos e almas que sobreviveram e que caminham em um mundo mergulhado nas sombras da bomba!"




REGULAMENTO ANTOLOGIA SOMBRAS DA BOMBA
  1. O conto deverá estar dentro do tema proposto (holocausto nuclear).
  2. Cada participante poderá concorrer com apenas 1 (um) conto.
  3. O conto deverá ter até até 4 páginas.
  4. O autor selecionado se compromete a pagar o valor único de R$ 50,00 referente às despesas de publicação. Por esse valor, o autor levará um exemplar da antologia (frete incluso).
  5. O conto deverá ser enviado em fonte Times New Roman, tamanho 12, justificado, espaçamento simples entre linhas.
  6. O autor deverá mandar junto com o conto uma minibiografia de até cinco linhas.
  7. O conto, na devida formatação, deverá ser enviado para o email coletanea2016@gmail.com
  8. Os nomes dos selecionados serão divulgados no site da Darda Editora e na página do organizador, Maurício Coelho.

PRAZO

Até 07/11/2016

ORGANIZADOR 


Maurício Coelho nasceu em Belém, PA. Traduziu e publicou The Nursery Alice (A Cuidadosa Alice), de Lewis Carroll; além de organizar e publicar antologias com diversos autores. Também publicou o livro Fogo fátuo, de sua autoria.

PARA SABER MAIS

MOSSEAU, Timothy A. et al. Highly reduced mass loss rates and increased litter layer in radioactively contaminated area. Oecologia. v.175 pp 429-437, 2014.
NOBOA, Igor Carastan. Filmes do fim do mundo - Ficção científica e Guerra Fria (1951/1964) – ;Dissertação de Mestrado em História Social, defendida na FFLCH;USP. São Paulo: digitado, 2010. 
O LIVRO DE ELI. Albert e Allen Hughes (direção), 2010.

05 fevereiro, 2016

Divulgação Antologia Vindos de Outros Planetas

Imagem - Reprodução/Ufos Online

Já assistiu Independence Day ou leu Guerra dos Mundos? Gosta do tema? Gosta de escrever? Pronto, aqui está sua chance de participar da Antologia Vindos de Outros Planetas organizada por Maurício Coelho.


REGULAMENTO ANTOLOGIA VINDOS DE OUTROS PLANETAS:

1.   O conto deverá estar dentro do tema proposto (invasão alienígena).
2.  Cada participante poderá concorrer com apenas 1 (um) conto.
3. O conto deverá ter no mínimo 10 mil caracteres com espaço e no máximo até 15 mil caracteres com espaço.
4. O autor selecionado se compromete a pagar o valor único de R$ 50,00 (cinquenta) referente às despesas de publicação. Por esse valor, o autor levará um exemplar da antologia (frete incluso).
5. O conto deverá ser enviado em fonte Times New Roman, tamanho 12, justificado, espaçamento 1.5 entre linhas.
6.  O conto, na devida formatação, deverá ser enviado para o email coletanea2016@gmail.com
7.  Os nomes dos selecionados serão divulgados no site da Editora Normas e na página do organizador, Maurício Coelho.

PRAZO:

11/12/2015 a 30/04/2016

ORGANIZADOR 


Maurício Coelho nasceu em Belém, PA. É graduado em Licenciatura em Ciências Biológicas e graduando em Letras em Inglês. Publicou a tradução de The Nursery Alice (A Cuidadosa Alice), de Lewis Carroll. Já organizou e publicou antologias com diversos autores nas temáticas: distopia, lendas amazônicas, mitologia grega e robôs. Também publicou a antologia Fogo fátuo, de sua própria autoria.

PARA SABER MAIS SOBRE O GÊNERO E REFERÊNCIAS

VALIM, A. B. "Os marcianos estão chegando!": as divertidas e imprudentes reinvenções de um ataque alienígena no cinema e no rádio. Diálogos - Revista do Departamento de História e do Programa de Pós-Graduação em História, 2005.
WELLS, H.G. A guerra dos mundos. Rio de Janeiro: Alfaguara, 2007.

04 fevereiro, 2016

Metzengerstein de Edgar Allan Poe


Esse foi o primeiro conto publicado por Edgar Allan Poe, em Janeiro de 1.832 no Philadelphia´s Saturday Courier. Li o conto no original em inglês, e curiosamente ele não é encontrado na maioria das compilações de suas obras. 

De um lado Conde Guilherme de Berlifitzing, um velho enfermo, que nutre uma paixão imensa por cavalos e caça, e mesmo nos seus piores momentos nada o impede de usufruir desses prazeres. Do outro temos o Barão Frederico de Metzengerstein, um jovem de 18 anos que perdeu muito cedo os pais e se vê morando sozinho no palácio da família.

Após a morte dos pais Frederico herdou todos os bens deles, e 3 dias após tomar posse dos mesmos o autor nos conta que 

"a conduta do herdeiro se sobrepujou a do próprio Herodes e ultrapassou, de longe, as expectativas de seus admiradores mais entusiastas. Orgias vergonhosas, flagrantes perfídias, atrocidades inauditas deram logo a compreender a seus apavorados vassalos que nenhuma submissão servil de sua parte e nenhum escrúpulo de consciência da parte dele lhe poderia de ora em diante garantir a segurança contra as implacáveis garras daquele mesquinho Calígula."
(tradução livre)

Imagem - Reprodução/Wikipedia

Na quarta noite as estrebarias do castelo, do Conde Berlifitzing pegam fogo e todos acreditam que o culpado é o Barão Metzengerstein. Porém, nessa mesma noite ele está calmamente sentado em uma das inúmeras salas de seu castelo observando as tapeçarias. E algo lhe chama a atenção, a figura de um enorme cavalo em primeiro plano e logo atrás seu cavaleiro derrotado. De certa forma, aquela imagem parecia ter vida, e isso o deixa aturdido e ele sai correndo em busca de ar livre. No portão do palácio encontra 3 cavalariços procurando o dono de um cavalo misterioso. 

Imagem - Reprodução/Lindwrm

A partir daqui é com você leitor, decidir ou não descobrir que cavalo é esse e qual o papel dele no desenrolar da história. 

Sou fã de carteirinha de Edgar Allan Poe, então não espere parcialidade aqui. Eu já havia lido esse conto há alguns anos atrás, logo já sabia o desenrolar da história. Mas, mesmo sabendo disso, o conto conseguiu prender minha atenção do início ao fim. Foi como seu eu estivesse lendo uma história nova. E esse é o barato de um bom escritor, um conto de quase 200 anos, que continua surpreendo leitores.  

Metzengerstein não é um conto de terror propriamente dito, então se você é daqueles que não lê Poe por que tem medo, relaxa. Ele é mais uma história sobre loucura e obsessão, ou como uma coisa pode levar a outra. São apenas 7 páginas (na edição que li), de uma leitura fluida e envolvente. Porém, como é uma história escrita há quase 2 séculos, a linguagem é um pouco diferente da que usamos atualmente, mas não se assuste, pois é não é nada complicado. 

Imagem - Reprodução/Hornbakelibrary

Fica a dica de uma excelente leitura e talvez um início pra quem ainda não conhece o meu amado Poe.

Esse post faz parte do Desafio 12 Meses de Poe criado pela Anna Costa.