28 julho, 2016

As Crônicas de Fedors - livro 2 da Série Os Livros de Esteros


As Crônicas de Fedors - livro 2 da Série Os Livros de Esteros
Aldemir Alves
Selo Jovem - 370 pgs

Como é segundo livro de uma série, pode conter spoilers. No link você encontra Minha Opinião sobre o primeiro livro.

O livro começa exatamente após a destruição da família Destrus. Apesar de todos acharem que nenhum deles sobreviveu, Andor o filho mais novo, foi salvo por Morteros um semideus que o ajudará na busca pela liberdade de Esteros.

Será que Andor está preparado pra enfrentar e exterminar o orcs que assolam o seu mundo?


Nesse livro o foco é Andor, que no final da primeira obra parecia estar à beira da morte após um ataque de seu irmão Vamcast. Porém ele foi salvo, e tem um propósito muito maior, o de libertar toda uma nação das garras dos orcs. No decorrer da narrativa nós acompanhamos todos os momentos desse jovem, desde o seu resgate por Morteros até sua total recuperação, passando por momentos de dúvidas e anseios.

Conhecemos novos e importantes personagens, como: Miguel, um anjo que acabou se apaixonando por uma mortal; Zoram uma de suas filhas e que tem um papel importante na narrativa; Morteros o salvador de Andor, além de aparições de personagens já conhecidos como a Angel e Vamcast.


Intercalando alguns capítulos, temos mais uma vez Fedors e Salazar, mantendo o mistério de que mrealmente é o undead. E confesso que essa é uma das partes que mais gosto do livro.

O início do livro é um pouco mais arrastado do que o primeiro, porém com o decorrer das páginas a história engrena e é quase impossível parar de ler. Mais uma vez temos cenas perfeitas de batalhas, que em muitos momentos pede estômago forte do leitor.


A narrativa continua em terceira pessoa, o que particularmente eu adoro, pois acredito que posso ter uma visão mais ampla da história dessa forma. Aqui encontramos mais uma vez as ilustrações entre os capítulos, e posso garantir que estão melhores ainda.

Já quanto a diagramação, existem inúmeros problemas. Pra começar, esse livro é menor que o primeiro. São 2 cm na largura de 1,5 cm na altura, como são uma série, acreditei que seguiriam o mesmo padrão, inclusive o material da capa é diferente, nesse volume é brilhante e no anterior fosco. Aí vem um problema bem mais sério, a revisão. Eu sei  que é talvez a parte mais cara de um livro, mas aqui nós temos 2 revisores, e existe uma quantidade tão grande de erros, que em certos momentos eu fiquei meio cansada da leitura. Esses erros vão de falta de pontuação, excesso de acentos a falta de artigos definidos. Pra uma pessoa não tão chata a leitura caminha sem problemas, mas me incomodou. Porém, nem tudo são trevas, as páginas estão mais fininhas, o que foi bom, porque na obra anterior elas eram muito grossas. O tamanho de fonte e margem são bem bacanas também.


Em resumo, a história continua me deixando interessada e já quero o livro 3. Recomendo sem sombras de dúvidas pra qualquer leitor, mas principalmente pros que gostam de fantasia medieval, esses vão se deliciar.

Compre na Amazon  ou no site da Editora Selo Jovem 

22 julho, 2016

Aplicativo da Editora Selo Jovem


E olha que novidade  mais massa. A Editora Selo Jovem tem um aplicativo para Android, isso mesmo. Agora você pode ler os primeiros capítulos de diversos títulos, assistir booktrailers e comprar os livros através do seu smatphone ou tablet. E para melhorar a notícia, eles estão  liberando um livro do catálogo para leitura grátis.


Então, bora baixar através do link e aproveitem.

20 julho, 2016

Divulgação - Lançamentos DarkSide Books

E sim, lá vem a dona caveirinha novamente esvaziar nossos bolsos e embelezar nossa estante com histórias fantásticas. 

Ed & Lorraine Warren: Demonologistas por Gerald Brittle


A DarkSide® Books vai abrir os arquivos sobrenaturais do casal Warren. 

Eles enfrentaram os mistérios mais sinistros dos últimos sessenta anos, sempre em busca da verdade. Agora é a sua vez de entrar em contato com o sobrenatural. Você tem coragem? Então leia Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, a biografia definitiva dos mais famosos investigadores paranormais do nosso plano astral.
Não é de hoje que os fãs do terror conhecem Ed Warren e sua esposa, Lorraine. O casal foi retratado em filmes de grande sucesso, como Invocação do Mal, Annabelle e Horror em Amityville. Mas basta folhear as páginas de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas para constatar que, muitas vezes, a vida pode ser bem mais assustadora que o cinema. 
Principalmente para aqueles que não têm a pretensão de negar fenômenos que nem mesmo a ciência é capaz de explicar.
Em Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, Gerald Brittle desvenda alguns dos principais casos reais vividos pelos Warren. Ed e Lorraine permitiram ao autor acesso exclusivo aos seus arquivos sobrenaturais, que incluem relatos extraordinários de poltergeists, casas mal-assombradas e possessões demoníacas. O resultado é um livro rico em detalhes como nenhum outro.
Lançado originalmente em 1980, e até então inédito no Brasil, Ed & Lorraine Warren: Demonologistas é, sem dúvida, o mais completo dossiê sobre os exorcistas/caçadores de fantasmas mais famosos do mundo. Virou o livro de cabeceira do diretor James Wan (Jogos Mortais, Invocação do Mal 1 e 2, Annabelle), além de servir de fonte de inspiração para Vera Farmiga, que interpreta a sra. Warren no cinema.


Nas páginas do livro, o leitor acaba se tornando um pouco mais íntimo de Lorraine Rita e Edward Warren Miney. Duas almas gêmeas que se completavam ao dividir, entre tantas coisas, a mesma vocação: oferecer ajuda espiritual aos possuídos e atormentados. 
Desde 2006, Ed Warren não se encontra mais neste plano físico. Contudo, é fácil imaginar que Lorraine permaneça conectada a ele até os dias de hoje. Talvez até através de sua mediunidade, mas certamente pela paixão de uma vida inteira juntos.
Como responsável em manter o legado que ela e Ed construíram, Lorraine não poderia estar mais satisfeita com o lançamento de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas no Brasil. Só mesmo a DarkSide® Books para entregar uma edição à altura dos maiores investigadores paranormais de todos os tempos aos seus leitores possuídos, que chega para comemorar o aniversário da editora, em outubro.
Gerald Brittle é autor de obras de não ficção, com formação em literatura e psicologia, especializado em teologia mística. Além de Ed & Lorraine Warren: Demonologistas, publicado originalmente em 1980, é autor de The Devil in Connecticut (1983).




Ficha Técnica

Título - Ed & Lorraine Warren: Demonologistas
Autor - Gerald Brittle
Editora - DarkSide®
Edição - 1a
Idioma - Português
Especificações - 320 páginas (estimadas)
Dimensões - 16 x 23 cm



CONFISSÕES DO CREMATÓRIO por Caitlin Doughty


Um livro para quem planeja morrer um dia 

É a única certeza da vida. Então, por que evitamos tanto falar sobre ela? A morte é inevitável, sentimos muito. Mas pelo menos, como descobriu Caitlin Doughty, ficar a sete palmos do chão ainda é uma opção.
Ainda jovem, Caitlin conseguiu emprego em um crematório na Califórnia e aprendeu muito mais do que imaginava barbeando cadáveres e preparando corpos para a incineração. A exposição constante à morte mudou completamente sua forma de encarar a vida e a levou a escrever um livro diferente de tudo o que você já leu sobre o assunto.
Confissões do Crematório reúne histórias reais do dia a dia de uma casa funerária, inúmeras curiosidades e fatos históricos, mitológicos e filosóficos. Tudo, é claro, com uma boa dose de humor. Enquanto varre as cinzas das máquinas de incineração ou explica com o que um crânio em chamas se parece, ela desmistifica a morte para si e para seus leitores.
O livro de Caitlin – criadora da web série Ask a Mortician – levanta a cortina preta que nos separa dos bastidores dos funerais e nos faz refletir sobre a vida e a morte de maneira honesta, inteligente e despretensiosa – exatamente como deve ser. Como a autora ressalta na nota que abre o livro, “a ignorância não é uma benção, é apenas uma forma profunda de terror”.
O título é a primeira obra de não ficção a integrar a coleção DarkLove, a linha especial da DarkSide® Books para corações valentes. Sua escrita divertida e realista será muito bem representada na edição em capa dura que chegará às mãos dos leitores brasileiros em julho de 2016.




Ficha Técnica

Título - Confissões do Crematório
Autora - Caitlin Doughty
Tradutora - Regiane Winarski
Editora - DarkSide®
Edição - 1a
Idioma - Português
Especificações - 260 páginas (estimadas), Limited Edition (capa dura)
Dimensões - 14 x 21 cm


EVANGELHO DE SANGUE por Clive Barker


Pinhead está de volta

Por aproximadamente trinta anos o Sacerdote do Inferno – conhecido por todos nós pela sugestiva alcunha de Pinhead – tem sido um dos mais ilustres e famosos personagens do universo do terror de todos os tempos. O aclamado escritor Clive Barker, seu criador, apresenta agora o capítulo final desta saga, que teve início com Hellraiser – Renascido do Inferno. Publicado pela primeira vez no Brasil pela DarkSide® Books em 2015, o clássico de Barker se tornou um verdadeiro sucesso e liderou a lista dos mais vendidos da Amazon Brasil. Além disso, a edição chamou a atenção do próprio Barker que considerou-a a mais bela já feita para a sua novela. E agora não será diferente. Você vai entender tudo sobre o universo dos Cenobitas.
Evangelho de Sangue oferece uma junção clara dentro do universo de Barker. Os leitores mais atentos já perceberam que as histórias dele se passam em um mesmo universo, mas, agora, o mundo de Hellraiser é explicitamente unido ao do detetive Harry D’Amour – que aparece em outras histórias do autor, como o conto “The Last Illusion”, presente no sexto volume dos Livros de Sangue, e no romance Everville.
D’Amour, que se dedica a investigar casos sobrenaturais, mágicos e malignos, vem encarando seus demônios pessoais há anos. Quando ele se depara com uma Caixa das Lamentações – neste livro, Barker expande a mitologia da Caixa de Lemarchand, e conta que ela é só uma das muitas Caixa das Lamentações que existem por aí –, seus demônios internos são substituídos por demônios de verdade, conforme ele se vê enredado em um terrível jogo de gato e rato, absolutamente complexo, sangrento e perturbador.



Ficha Técnica
Título - Evangelho de Sangue
Autor - Clive Barker
Tradutor - Alexandre Callari
Editora - DarkSide®
Edição - 1a
Idioma - Português
Especificações - 360 páginas (estimadas), Limited Edition (capa dura)
Dimensões - 14 x 21 cm



19 julho, 2016

Primeiras Impressões de Loui, o Palhaço Medonho por Leonardo Otaciano e Matheuz Silva

Às três da manhã costumamos ser incomodados por uma inquietação que nos faz ouvir leves batidas nas paredes. Segundo os demonologistas, essa é a hora em que os espíritos famintos rompem a barreira do mundo sobrenatural e adentram o nosso espaço com mais supremacia. Nesse período os nossos corpos ficam vulneráveis, e temos a forte tendência de abrirmos brechas espirituais para que tais forças exerçam um controle total ou parcial de nossas carnes. Nesse período também podemos receber visitas inusitadas de outros viventes da escuridão que, em formas humanas, atravessam seus domínios e conseguem tocar plenamente suas vítimas, causando medo, distúrbio, morte e, às vezes, nos tornando absolutos prisioneiros das trevas. Contudo, ”três da manhã” não é uma norma, muitos gostam de surpreender e não seguem metodologias. Essa pode ser apenas uma hora preferida, mas nem o esplendor da manhã ou as luzes acesas poderão nos livrar da morte se o Loui quiser nos pegar. Estejamos preparados, pois a brincadeira já começou, ele pode estar em qualquer lugar agora.

Eu sou uma verdadeira apaixonada por histórias de terror. Comecei a ler livros do gênero ainda criança, e nunca parei. Sempre que recebo uma proposta de leitura do gênero, fico empolgada, e não foi diferente com esse aqui. Com um detalhe, eu tenho verdadeiro pavor de palhaço. Enquanto todas as crianças amavam e queriam ir ao circo pra vê-los, eu fugia. Coloque na lista desde Bozo até Pennywise, todos me aterrorizam.


De cara o livro me chamou a atenção pelo fato de ser escrito por um pai e seu filho, Leonardo Otaciano e Matheus Silva respectivamente. 

O livro é dividido em 11 contos, e os 2 primeiros estão disponíveis pra degustação no site da editora, basta clicar na imagem do livro. O primeiro conto é do palhaço Loui, e confesso que me identifiquei muito com um dos garotinhos da história. Ah, e o palhaço dá medo? Sim, e muito. O segundo conto é sobre uma criatura que aparece em um vilarejo de tempos em tempos trazendo o terror consigo. Esse conto me lembrou muito alguns episódios de Arquivo X. Não achei tão assustador quanto o anterior, mas prende a atenção até o final. 


Em resumo, gostei muito do que li. A narrativa é fluida, e prende o leitor até o final. Recomendo inclusive para os medrosos de plantão, pois é sempre muito bom lidar com nossos medos.

Lembrando que o livro está em pré-venda no site da editora, e quem usar o código #FONZIE20 ainda ganha um desconto extra. 

17 julho, 2016

Divulgação - Lançamentos Julho / Agosto da Editora Selo Jovem

E  o meses de Julho e Agosto estão repletos de novidades na Editora Selo Jovem. Sem perder tempo, vamos conferir o que vem por aí.

Alabastro - O Fragmento do Destino

O que pareceu ter sido um ponto final não passou de uma vírgula na trama que o destino ainda estava longe de finalizar. Ainda iludido de que tudo que viveu do outro lado do véu não passou de um sonho, Otávio se vê perseguido por indivíduos sibilinos, que imbuem sua ainda frágil e abalada mente de indagações e mistérios. A chegada de um esfíngico rapaz em sua turma reforça ainda mais a sensação de perseguição e medo.  Lutando para que o temor não impregne uma camada mais profunda de seu coração, ele resolve desvendar o enigma. Em busca de respostas, encontra apenas peças desconexas e correndo contra o tempo precisa encontrar a sequência exata para que façam sentido, mas descobrir a verdade pode não fazer tanta diferença se já for tarde demais.

Brasília, GRAVIDADE ZERO


Praticamente alfabetizado através de breves imperativos categóricos como compre batom ou não esqueça minha Caloi, Luiz é um cara ambicioso que sonha em se dar bem no capitalismo e virar executivo ou empresário de sucesso. Depois de alguns episódios traumáticos que o levam a desenvolver medo de altura, ele abre a GRAVIDADE ZERO, empresa especializada em venda, instalação e manutenção de telas para janelas, lonas para piscinas e segurança de espaços elevados, mas a lei da gravitação universal e a carga tributária brasileira vão atrapalhar seus planos.
Repleto de slogans, gírias, citações pop e trechos de reportagens reais e imaginárias, e passando por momentos marcantes da história recente como os atentados de onze de setembro nos Estados Unidos e os protestos de junho no Brasil em 2013, Brasília, GRAVIDADE ZERO narra a luta de um empresário contra a burocracia enquanto mamatas e conchavos rolam na Capital Federal. Finalista do Prêmio Sesc de Literatura 2015.


Farsas e Milagres


A história não contou, mas Luiz Vaz de Camões teve um herdeiro. Isso garante até hoje a descendência do poeta português no Brasil. Passadas muitas gerações sem histórias relevantes que merecessem ser contadas, iniciou-se no século XIX uma grande história de amor entre Isabel e Augusto Medeiros de Camões. O romance emocionante entre o jovem casal desenvolveu-se em meio a uma trama maligna e obsessiva, onde um frei não mediu esforços para levar ao mundo os relatos de milagres que se sucediam em sua igreja. Para isso, foi capaz inclusive de forjar milagres para garantir sua fama, notoriedade e riqueza. O precursor desses milagres, porém, foi Augusto, quem presenciou a aparição de Nossa Senhora do Relicário no vilarejo de Jasmim do Alto. Ele e o frei, embora por motivações adversas, lutavam pelo mesmo objetivo: apresentar Nossa Senhora do Relicário ao mundo. 
Já em nossa época, Jackson Coutinho de Camões (Jack Cout) viu-se envolvido em um grande mistério. Em visita a Basílica de Nossa Senhora, presenciou fatos estranhos e decidiu investigá-los, afinal ele era o melhor investigador da DIESP – Delegacia de Investigações Especiais de São Paulo. Em meio a desaparecimentos, assassinatos, gafes, enigmas, salas secretas, homens centenários e um ardente sonho recorrente, Jack precisará de muita astúcia e alianças para responder as perguntas que aparecerão durante sua investigação, como também para honrar o sobrenome da família Camões. Para isso contará com a ajuda de pessoas engraçadas como sua avó, lúdicas como o padre João Paulo e misteriosas como Tadeu, quem se intitula anjo da guarda da família Camões. Será que tudo o que foi divulgado até hoje, sobre a Santa, a basílica e sobre Augusto, são de fato Milagres? Estas e outras respostas serão reveladas em um final surpreendente.
Farsas e Milagres é um livro leve, mas ao mesmo tempo tenso, que levará o leitor das lágrimas ao riso e nos dará a oportunidade de conhecer um pouco dos descendentes de Camões, além de uma pequena amostra de suas “obras”.

Homo Perturbatus


A Família e a Sociedade geram seres automatizados, como se fabricados em série?  O  excessivo apego à tecnologia, o consumismo desenfreado, o materialismo e o desrespeito às leis naturais estão transformando o Homo Sapiens no Homo Perturbatus?  O novo romance do escritor gaúcho Luiz Carlos Freitas responde estas e outras perguntas, apontando causas e consequências da perda dos referenciais humanos. Homo Perturbatus é mais que uma crítica social. É uma profunda análise da condição humana e das instituições que dominam a civilização ocidental, mostrando a necessidade de revolução individual e coletiva do homem, sob pena de ele perder as prerrogativas de animal racional. Ficção, suspense, romance, ironia, filosofia e antropologia em uma obra única e original. Leitura para entender o Brasil  e o mundo contemporâneo.

Mitorégia - O Mistério do Unicórnio


Um mago púrpura chamado Abeo Moldrus prevê o retorno de Hyrobe, um feiticeiro muito poderoso que há muito assolou as terras que outrora dominava; também vê a volta do Cavaleiro Alado, herói mitoregiano que surge sempre que sua terra é ameaçada. O único capaz de derrotar Hyrobe.
Sua descoberta é informada apenas ao Rei Azul, mas a notícia se propaga descontroladamente e acaba chegando aos outros impérios. Assustados com seu conteúdo, os imperadores decidem destruir Mitorégia para prevenir o ressurgimento de Hyrobe.
Ao mesmo tempo em que essa profecia repercute pelo império mitoregiano, ao descobrir que os deuses jogavam com a vida dos seres vivos, um anjo deixa os céus à procura de três magias na Terra capazes de matá-los.

Poesia Vandal


Esquizofrenia poética
Licença poética é minha ética,
mente frenética, caneta epilética,
no mundo ilusório...
A realidade é esquizofrênica poética,
internado por expor o interno que vem de dentro,
esquizofrenia hoje em dia é ter o real sentimento,
enquanto o mais louco é o que se cala!
Pois ninguém, 
é mais esquizofrênico que o silêncio.

Sevilha


O maior sonho de Lucas Batista, um jovem de 17 anos do Rio de Janeiro, é se tornar um grande jogador de futebol. Até que uma ideia inusitada de seu melhor amigo, Bernardo, faz Lucas embarcar em uma jornada que o leva a se tornar a estrela do Real Sevilla Club de Fútbol, um dos maiores clubes de futebol da Espanha.
É na ensolarada e quente cidade de Sevilha que ele vive não apenas toda a glória, mas o lado obscuro de seu sonho. Ao ver-se envolvido numa influente e perigosa rede de corrupção que manipula resultados e controla a Loteria Esportiva espanhola, Lucas precisa lutar para salvar sua vida e a das pessoas que ama, e para defender a verdadeira essência do esporte. 
Em seu caminho surge então Catherine Sánchez, a misteriosa garota que mostra a Lucas não só como lutar contra a sujeira do mundo do futebol, mas também o amor.

Viu só? Tem pra todos os gostos literários e o preço tá bem bacana. 

Me diga, por qual deles você se interessou.



06 julho, 2016

Divulgação e pré-venda do livro Loui, o Palhaço Medonho


A Editora Fonzie acabou de anunciar a pré-venda da sua primeira publicação, Loui, O Palhaço Medonho & Outros Contos Sombrios, um acervo macabro de Leonardo Otaciano e Matheuz Silva ocupado por tétricos vilões, criaturas sobrenaturais, elementos sanguinários, jovens possessos e um medonho palhaço, seres presenciados pelo leitor em âmbitos excêntricos e corriqueiros. Um aspecto interessante nessa coletânea é que a maioria das histórias possui aspectos que dialogam entre si, um artifício louvável que ajuda o leitor a se aprofundar melhor na mente dos protagonistas e a entender o ponto crucial da insanidade dos vilões. 

A pré-venda estará aberta até o dia 03/08/2016 e, para todos os que adquirirem em território nacional, o frete é grátis. A obra custa R$ 27,00 e se usar o código #fonzie20 ainda terá um desconto de 10%.. Para adquirir entre em contato com a editora no através do e-mail vendas.editorafonzie@gmail.com.

01 julho, 2016

Enterro Prematuro por Edgar Allan Poe

E hoje tem mais #12 Meses de Poe, e o conto da vez é O Enterro Prematuro, que foi lançado pela primeira vez em 31 de Julho de 1844, na Dollar Newspaper Horror.


Aqui, o nosso narrador discorre sobre um dos maiores medos do ser humano, o de ser enterrado vivo. Hoje, sabe-se o exato minuto no qual o ser humano morre. Mas imagine-se há 1, 2 ou 3 séculos atrás, os recursos não eram os mesmos, logo é compreensível que tenham havido inúmeros casos de enterrados vivos ao longo da história.  Com o avanço da tecnologia, pode até parecer surreal pensar nisso.

Além disso, o nosso protagonista discorre sobre seus medos e sua doença: a catalepsia. Pra quem não conhece, é um mal que pode acometer o ser humano, onde suas funções vitais chegam a um nível tão baixo, que a pessoa parece realmente morta. 

Agora junte os relatos da época, a uma pessoa que tem um problema desses. Pronto, o estopim foi aceso. Todos os seus amigos sabem da sua situação, ele evita ir pra longe de sua casa ficando sempre nos arredores de lugares onde todos o conhecem, e chega ao ponto de encomendar um caixão com toda uma parafernalha, para que caso seja enterrado vivo, tenha recursos para pedir ajuda.

Imagem - Reprodução/Wikipédia

Até que certo dia, após voltar do seu estado cataléptico, ele percebe que foi enterrado vivo... 

O conto é curto, mas como em outros Poe consegue nos prender do início ao fim. Eu tenho claustrofobia, então esse é um tema meio complicado pra mim. Então, imagine no momento onde ele descreve os seus medos e angústiascomo me senti. Chegou a faltar ar em certos momentos. Mas não se assuste, não é uma história pesada, muito pelo contrário. É uma escrita leve e com um final perfeito, que nos leva a um momento de introspecção. 


Aqui Poe demonstra toda sua genialidade, nos levando do inferno ao céu em poucas páginas. Mais que recomendo a leitura desse conto. Supere seus medos e se aventure, se tiver coragem.

Esse post faz parte do Desafio 12 Meses de Poe criado pela Anna Costa.